Quem foi que disse que você precisa de um CRM?

Para começo de conversa: ninguém deveria implementar um CRM simplesmente porque “precisa”. Falarei a frase quantas vezes forem

A mesma história se repete. Você é o gerente, diretor, sócio, CEO da empresa e lá vem Marketing, Atendimento, TI, RH, Financeiro, Vendas, o Papa, etc. falarem sobre a necessidade de um CRM. Passam horas e horas falando que os processos precisam ficar mais organizados.

Marketing diz estar desgastado sem automação de processos. Vendas relata que gasta tempo demais sem saber o que realmente o cliente quer. Atendimento está perdido com tantos dados desconectados. RH quer mais pessoas engajadas na empresa. Financeiro acha que a empresa vai precisar cortar mais custos porque, desse jeito, não dá mais!

Todo mundo acha que um software de CRM resolveria todos esses problemas na sua empresa. Menos você.

 

Quem foi que disse que você precisa de um CRM?

Ok. Não vamos desmerecer todas essas necessidades relatadas pelos departamentos da sua empresa. Mas você já parou para pensar que ninguém perguntou o que você realmente quer?

Para começo de conversa: ninguém deveria implementar um CRM simplesmente porque “precisa”.

“Que infâmia dizer isso! Uma consultoria de CRM dizendo uma coisa dessas?! Onde esse mundo vai parar?!”

Vou repetir: ninguém deveria implementar um CRM simplesmente porque “precisa”.

Falarei a frase quantas vezes forem necessárias até que você entenda que você só deve implementar um CRM na sua empresa se, e apenas se, você quiser!

Tem tanta gente que vira e mexe e oferece uma “solução matadora” para acabar com todos os problemas da sua empresa. Soluções prontas. Demonstram conhecer tanto sobre conceitos disso ou daquilo, mas não entendem coisa alguma do seu negócio.

E você tem toda razão ao dizer que não precisa de um CRM.

Estufe o peito e repita: Eu não preciso de um CRM!

Agora deixa eu perguntar uma coisa, cá entre nós: você já falou para seus departamentos o que você quer? Você sabe o que quer?

Que pergunta boba. É claro que você sabe o que quer.

Você quer ver sua equipe engajada para entregar aos seus clientes aquilo que sua empresa se comprometeu. Mas você quer fazer isso do seu jeito. Porque assim tem funcionado (?).

“Para ser ultrapassado, basta andar sempre na mesma velocidade”. (Mário Andretti – Piloto Fórmula Indy)

Eu poderia citar alguns casos de marcas que ficaram para trás, como a Kodak e a Polaroid, por exemplo. Ambas vinculadas a fotografia. Num mundo onde viver e compartilhar o agora é cada vez mais urgente, a palavra “esperar” praticamente não existe.

Sua empresa está mais para Kodak ou Instagram? Ela tem entregado o que seus clientes querem? Sua empresa foi feita para durar?

 

As crises vêm. Mas os clientes ficam.

As reivindicações que os departamentos da sua empresa lhe fizeram vieram acompanhadas de uma solução: a implementação de um software de CRM.

Mas um software não é suficiente para fazer um negócio acontecer. Você tem toda razão.

Um software de CRM é apenas um pedaço de algo muito maior no que se refere a Customer Relationship Management.

Fazer CRM demanda propósito. Demanda brilho nos olhos em fazer mais do que só trabalhar para o cliente; demanda saber trabalhar COM O CLIENTE. Desta forma, fica fácil para o seu cliente decidir se ele está mesmo disposto a se desfazer de um relacionamento como o de vocês em tempos de crise, por exemplo.

 

Para concluir

CRM é uma estratégia baseada principalmente em gente, e não apenas em um sistema de CRM.

E na hora de ter que escolher qual o melhor CRM para sua empresa, lembre-se que não é você que precisa se adaptar a um CRM, é ele que deve se adaptar a você.

Pin It